siga nossas
redes sociais:
FacebookTwitter

Terminais de Autoatendimento geram praticidade para passageiros de ônibus

12 de Outubro de 2018, 07:32

 

Serviço realiza recargas em poucos segundos e ainda emite o cartão Mais Aracaju Pré-pago na hora

A implantação dos Terminais de Autoatendimento (ATMs) em Aracaju está facilitando o acesso do passageiro às recargas dos cartões Mais Aracaju. Mais de 48 mil atendimentos já foram realizados entre agosto e setembro pelos ATMs, e a satisfação dos passageiros tem sido notória diante da praticidade e agilidade do serviço que permite em poucos segundos a realização de recargas com validação eletrônica dos créditos, consultas a saldos e aquisição no ato do autoatendimento do cartão Mais Aracaju Pré-pago.  O ATM serve não somente para compra de passagens inteiras, como também meia-passagem com o cartão de meia gratuidade para o estudante.

Os  ATMs estão localizados no Terminal DIA – funcionando de segunda a sexta, das 7h às 19h) e aos sábados até às 14h -, na Rua do Turista – de segunda a sexta, das 8h às 17h - e no Shopping Prêmio – todos os dias, das 10h às 22h. E nos próximos dias também estarão na Universidades Tiradentes e Federal de Sergipe. Além dos postos de autoatendimento e do serviço online de recargas pelo site aracajucard.com.br, continua disponível o serviço de atendimento pessoal na Central da Aracajucard, no bairro Inácio Barbosa, próximo à SMTT. Entretanto, o serviço de autoatendimento tende a ser ainda mais expandido por Aracaju e pela região metropolitana, estando em breve em outros Shoppings e locais estratégicos das cidades.

A bilhetagem eletrônica gera praticidade e segurança na hora de pagar a passagem de ônibus, evita a exposição dos passageiros com movimentação de dinheiro no ônibus, proporciona um melhor controle de utilização por parte do usuário e é um mecanismo de simples acesso ao consumo e realização de recargas.

Para a compra de recargas no ATM é cobrada uma taxa de conveniência para manutenção e investimento nesses novos equipamentos. A cobrança é comum em outras capitais do país e equivale a 2,5% do valor da compra efetuada em dinheiro. Para recargas realizadas com o cartão de débito a taxa é fixa no valor de R$ 3,50. Diante da eficiência do serviço dos ATMs, que reduziram de maneira significativa as filas para a compra de recargas no atendimento pessoal, muitos passageiros consideram aprovados os ATMs e a taxa necessária. “Agilizou mais o atendimento, achei muito interessante. Aprovo o serviço e como tudo que compramos tem taxa mesmo, não vejo problema, vale a pena”, disse a Sra. Joseane, ao ser abordada após efetuar uma compra pelo ATM.

Da Ascom Setransp