siga nossas
redes sociais:
FacebookTwitter

Bloco ‘Mamãe Quero Beber’ cresce e se transforma em Encontro Cultural

29 de Janeiro de 2018, 07:29

O bloco ‘Mamãe Quero Beber’ cresceu e neste ano se transformou no ‘Encontro Cultural de Ritmos do Bugio’, que será realizado neste domingo (4) com concentração a partir das 9h na Praça Minervino Silva, no Conjunto Bugio em Aracaju. A festa vai reunir diversas atrações do axé, pagode, frevo e MPB e vai fazer ainda um alerta a prevenção ao vírus HIV. O abadá é gratuito e a organização solicita apenas a doação de dois quilos de alimentos para serem doados a Casa de Apoio Bom Samaritano.

“Estamos felizes por ampliar o bloco durante todo o dia promovendo um festival que valoriza os artistas da região. Dentro da programação vamos ter apresentação da banda Aruana, arrastão com uma banda de pagode e orquestra de frevo. Vai ser muito divertido e ninguém pode perder”, convida a organizadora Edna Pinheiro.

Além de manter a tradição da folia momesca, a organização prepara uma campanha de prevenção ao vírus HIV e vai arrecadar alimentos para a Casa de Apoio Bom Samaritano que acolhe soropositivos.

“A Casa faz um trabalho muito bonito e é pouco conhecida. Aproveitamos o momento para fazer um alerta a população contra a contaminação do HIV e incentivando as pessoas a usarem preservativos com o apoio de Almir Santana. Vamos mostrar o trabalho realizado pela instituição que ajuda a dezenas de pessoas mas ainda é pouco conhecida pela população. Precisamos valorizar e colaborar de alguma forma para que o trabalho continue”, explica.

O bloco vai desfilar dentro do Encontro Cultural de Ritmos do Bugio pelo 11º ano consecutivo. “O bloco Mamãe Quero Beber começou em 2007 durante uma brincadeira entre amigos ruas do bairro. Foi fundado por Zezinho do Bugioque iniciou o projeto com o objetivo de resgatar a cultura das tradicionais manchinhas de carnaval e levar alegria para público de todos idades. Este ano está ainda mais especial e ninguém pode perder”, promete Edna Pinheiro.

Prevenção ao vírus HIV

Os registros de notificações de pessoas com o vírus HIV em Sergipe estão crescendo. Pelo menos um caso é diagnosticado por dia. Os números preocupam o médico Almir Santana, coordenador do Programa Estadual de IST/Aids, alerta sobre a importância do uso do preservativo nas relações sexuais, independente de gênero ou orientação sexual. Uma campanha vai ser lançada pela Secretaria de Estado da Saúde nos próximos dias para reforçar a conscientização ao uso de preservativos para evitar a contaminação durante o Carnaval, com foco na prevenção contra o HIV e demais Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

“Todos precisam se conscientizar mais sobre os riscos e mudar o comportamento quando o assunto é a utilização da camisinha. Infelizmente muitas pessoas continuam não se prevenindo, porque acham que não correm riscos”, acentua Almir. Os preservativos são distribuídos constantemente pelas Unidades de Atenção Primária da prefeitura de Aracaju e da Secretária de Estado da Saúde.

Foto assessoria

Por Fredson Navarro