siga nossas
redes sociais:
FacebookTwitter

Estudante de Sergipe é aprovada na Escola do Teatro Bolshoi

24 de Outubro de 2018, 15:03

 

A pequena Emily Victoria Correia, de dez anos, estudante do colégio São Lucas, localizado no conjunto Marcos Freire II, em Nossa Senhora do Socorro, foi aprovada na seleção da Escola do Teatro Bolshoi, considerada a maior instituição de dança do mundo. O processo seletivo envolveu mais de 5.800 inscritos e Emily está entre os 48 aprovados de todo o país e será bolsista no Curso de Dança Clássica da escola, que tem a filial em Joinville, Santa Catarina. Depois de uma semana de testes no Sul do Brasil, a estudante chega a Aracaju na próxima sexta-feira, 26.

Emily faz balé no Colégio São Lucas, onde estuda desde a sua infância. Para a proprietária da escola, Vera Lúcia Santos, a aprovação da aluna é uma grande conquista para todos. “Estamos muito felizes com a aprovação da Emily. Ela estuda no colégio desde o infantil e sempre mostrou ter talento para o balé. Ela se inscreveu no processo seletivo da Bolshoi e a professora de balé da escola, a Rayssa Dias, fez um treinamento diferenciado com ela, focado na seleção. Emily se saiu muito bem em todas as etapas e foi aprovada. Emily, com certeza, terá um futuro brilhante na dança”, garante.

Além de Emily, outros dois estudantes do São Lucas também se inscreveram no processo seletivo. A aluna Gabrielle Alves Batista, 11 anos, chegou até a penúltima etapa da seleção, mas não foi aprovada. O outro aluno não deu continuidade ao processo por motivos pessoais. "O Colégio São Lucas valoriza o esporte e investe na arte, então ver três alunos participarem do processo seletivo mais concorrido do mundo é uma alegria muito grande para nós. A aluna Gabrielle não foi aprovada, mas também é uma vencedora, pois chegou quase ao final do processo. Parabéns as duas e estamos muito orgulhosos”, afirma Vera.

Ela completa dizendo ainda que colégio tem uma proposta diferenciada para o balé e, inclusive, realiza uma vez por ano um grande espetáculo no Teatro Atheneu com todos os alunos de balé do São Lucas. “Hoje, a escola tem mais de cem alunos no balé, de dois a 16 anos, e oferecemos aos estudantes um balé completo. Por isso, ter uma aluna aprovada na Bolshoi é motivo de muita alegria e a realização de um sonho”, conclui a proprietária do colégio.

Bolshoi no Brasil

Instalada na cidade de Joinville, desde 15 de março de 2000, a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, é a única filial no mundo do Teatro Bolshoi de Moscou. O Bolshoi Brasil é um grande celeiro de talentos, tanto que 72% dos bailarinos formados atuam no mercado mundial da dança.

Foto assessoria

Por Juliana Moura