siga nossas
redes sociais:
FacebookTwitter

Tem início a Taça Cidade de Aracaju de Futebol 2018

05 de Março de 2018, 07:07

 

Nesse sábado, 3, aconteceu na Arena Anchietão, localizada no bairro Bugio, o lançamento da Taça Cidade de Aracaju 2018, uma das maiores competições de futebol amador do estado. O campeonato, que trabalha a inclusão social e ajuda a fomentar a prática do futebol entre jovens de 8 a 14 anos, faz parte do planejamento estratégico da Prefeitura Municipal de Aracaju, e por oito anos tem sido organizado pela Secretaria Municipal da Juventude e do Esporte (Sejesp).

 “Essa é uma competição de um valor social muito grande, pois damos a vários jovens dos diversos bairros da capital, e até mesmo de cidades da grande Aracaju, a oportunidade, de não só aprender a jogar, a despertar o espírito esportivo, a boa convivência com os adversários, como a ter visibilidade que possa ajudá-los a projetar uma carreira profissional dentro do futebol”, disse o secretário Jorge Araujo Filho.

A procura, este ano, pela competição levou a um número recorde de participantes. Serão 69 times - 66 de Aracaju e grande Aracaju, além de três equipes de municípios vizinhos: Rosário do Catete, Itaporanga D’Ajuda e Pirambu. Serão três categorias: Sub-10 (2008), Sub-12 (2006), e Sub-14 (2004), em um total de 1.800 jovens.

 “A competição vai envolver 69 times e há uma expectativa muito grande, pois, temos cinco campos. É um trabalho de inclusão, uma maneira de fomentar o esporte através da categoria de base, que é algo muito carente. A cada ano, nós vamos ganhando credibilidade por causa da transparência que é dada durante toda a competição. Procuramos fazer um trabalho realmente de inclusão, tratamos todos por igual”, declarou o coordenador de Esporte de Inclusão da Sejesp, Luiz Carlos Bossa Nova.

A tarde a rede balançou no campo do Jardim Esperança, onde 11 partidas animaram o final de semana dos moradores do bairro. O vice-presidente da Liga das Escolinhas de Futebol do Estado de Sergipe (LEFESE), Fernando do Espírito Santo, falou da expectativa para a competição.

 “Ano passado essa competição já foi muito boa e como a cada ano a organização vem se superando, eu acredito que esse ano será melhor ainda. Nós queremos continuar sendo dignos do convite, e fazer uma boa competição para chegarmos o mais perto possível da decisão, e assim participar de todos os jogos, dando oportunidade aos nossos meninos de praticarem um esporte, e terem uma vida saudável”, declarou.

Com o foco na taça, o diretor do Botafogo, Luiz Antônio de Oliveira, ressaltou a organização do evento e o objetivo para 2018. “A expectativa é de que tenhamos uma Taça Cidade de Aracaju de alto nível, visto que é umas das competições com maior prestígio em Sergipe. Sempre contando com uma ótima organização da Sejesp, e esse ano contando com a participação em massa de várias equipes. A nossa meta é de que esse ano possamos levar a taça para casa. Nas edições passadas, sempre ficamos entre as quatro melhores equipes, está na hora do Botafogo se sagrar campeão”.

Segundo Marcelo Santos, do Esporte Clube Del Rey, iniciativas como essas são importantes para o desenvolvimento dos jovens. “Dentro do estado são poucas as iniciativas em relação a esse tipo de competição, que tem como objetivo principal atender a base, ou seja, crianças, jovens e adolescentes. Participamos já de alguns eventos e nos encantamos com a organização. Jogos como esse tem a oportunidade de se desenvolver fisicamente e emocionalmente os jovens. Todo esse processo tem no esporte uma ferramenta fantástica para promover esse tipo de desenvolvimento. Através de uma competição a criança vivencia inúmeras emoções. É na hora do gol, ou da derrota que ele aprende a torcer e a respeitar. Independente da equipe que vai ganhar a medalha, o que importa é focar em um desenvolvimento integral” disse.

Os jogos da Taça Cidade de Aracaju ocorrerão sempre aos sábados e domingos, em vários campos espalhados pelos bairros de Aracaju. E a grande final está prevista para ocorrer no dia 27 de maio. Serão muitas histórias emocionantes até lá.

Fonte e foto assessoria