16 cidades recebem consultoria da Elese sobre Lei Aldir Blanc

16 de Novembro de 2020, 12:21

Dos 75 municípios sergipanos apenas 16 cidades procuraram a Escola do Legislativo (Elese), em parceria com a empresa INTERA – Arte e Economia Criativa, para ter suporte técnico com a finalidade de que as prefeituras possam ser contempladas com recursos que giram em torno de R$ 25 milhões por meio da Lei Aldir Blanc.

De acordo com o técnico de produção Luca Piñeyro, os municípios que receberam consultoria foram Riachão do Dantas, Ribeirópolis, Simão Dias, Itaporanga D’Ajuda, Lagarto, Gararu, Cristinápolis, Umbaúba, Itabaiana, Canindé do São Francisco, São Cristóvão, Aquidabã, Tomar do Geru, Brejo Grande, São Miguel do Aleixo e Japoatã.

“Começamos a oferecer o serviço presencial na Elese no dia 09 de novembro, mas já oferecemos esse atendimento desde setembro para que os gestores procurem a gente e terem suas dúvidas sobre todos os processos que envolvem a utilização do recurso da Lei Almir Blanc”, destacou o técnico.

Ele reforçou ainda que o quanto antes os gestores tirarem as dúvidas melhor, pois tudo que é relativa à lei os prazos são específicos. “É bom tirar qualquer tipo de dúvidas e quitar logo essas obrigações burocráticas e jurídicas para poder movimentar o recurso com uma boa janela de tempo para que as coisas possam fluir de forma mais agradável”, enfatizou.

Atendimento/Informações

O atendimento presencial acontece todas as segundas-feiras na Escola do Legislativo, das 8h às 13 h, até o final do ano. Acontece também de forma remota por telefone ou pelo Whatsapp, através dos números 99178-4100 e 3216-6802/684, das 8h às 12h e das 14h às 18h , além do e-mail escoladolegislativo@al.se.leg.br .

Foto: Joel Luiz

Por Kelly Monique Oliveira