siga nossas
redes sociais:
FacebookTwitter

Amese denuncia precariedade de viaturas do Corpo de Bombeiros

08 de Fevereiro de 2018, 07:09

O blog Espaço Militar denuncia, com provas, a continuação do caos na manutenção das viaturas do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Sergipe e pelo jeito, quase ou nenhuma providência vem sendo tomada para sanar tais problemas.

A mais recente denúncia diz respeito a duas viaturas.

A primeira delas é a mais nova ABT (Auto Bomba Tanque), cujo veículo está com o degrau para a subida dos BMs na viatura danificado, tendo que ser feito um "armengue" para tentar amenizar o problema, bem como, tal viatura encontra-se com pela embaixo do veículo quebrada, fatos que podem ser verificados na primeira e segunda imagens.

Já a segunda viatura, o fato é mais grave, pois a APA (Auto Plataforma Aérea) está completamente baixada por falta de manutenção, tanto na viatura, quanto no equipamento da plataforma, fato que compromete o salvamento em prédios e edifícios com mais de três andares, conforme se observa na terceira imagem.

Mais uma vez cobramos que providência urgentes sejam adotadas, pois a população que paga seus impostos em dia, tem o direito de cobrar e ter um atendimento a contento por parte do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Sergipe, esclarecendo que tal fato não é culpa dos bravos Soldados do Fogo, que são competentes e abnegados, mas sim, culpa do Estado de Sergipe, pela falta de manutenção nas viaturas da corporação, fato que já ocorre ao logo dos anos, sem que providências efetivas sejam adotadas para sanar e evitar novos problemas deste tipo.

Importante salientar que a falta de manutenção, coroca em risco não só a vida dos bombeiros militares que vão atender às mais diverssas ocorrências, mas também, a vida de quem precisa ser salvo.

A assessoria jurídica da AMESE estará protocolando tal denúncia junto ao Ministério Público Estadual para que apure rigorosamente o fato e que possa adotar providências no sentido de que tais fatos não tornem a ocorrer.

Matéria e imagens do blog Espaço Militar

  • Medium 22008c0e04d2da782418e447dbc6aca6