Samu prepara estrutura para atender demandas no Réveillon da Orla

28 de Dezembro de 2017, 08:34

Durante a realização do Réveillon 2018, a Prefeitura de Aracaju, mediante parceria com ao Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Saúde (SES), estará disponibilizando um posto médico que ficará à disposição da população

Como nos anos anteriores, as equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), em Sergipe, se preparam para suprir demandas pré-hospitalares que, porventura, venham a surgir nos próximos dias 31 e 1º de janeiro, em virtude das tradicionais comemorações da virada do ano. Durante a realização do Réveillon 2018, a Prefeitura de Aracaju, mediante parceria com ao Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Saúde (SES), estará disponibilizando um posto médico que ficará à disposição da população na Orla de Atalaia. O posto contará com sala de estabilização e todos os recursos necessários para os atendimentos locais, caso haja necessidade.

De acordo com a superintendente do Samu, em Sergipe, Maria Lúcia Santos, uma unidade de suporte avançado, composta por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem e condutor de veículo de urgência, será mantida no local da festa. Além dessa, estarão presentes também duas unidades de suporte básico, sendo cada uma delas formada por condutor e técnico de enfermagem, a serem dispostas no circuito do evento de forma descentralizada para melhor atender as necessidades de urgência e emergência.

As tratativas para a oferta de um serviço pré-hospitalar capaz de dar suporte ao público da festa foram definidas em reuniões realizadas com os órgãos envolvidos no planejamento e execução do evento, no auditório do Centro Administrativo da Prefeitura Municipal de Aracaju. O objetivo foi alinhar todas as informações, a fim de desenvolver um trabalho unificado e dessa forma, mais qualificado.

“O desempenho da rede de urgência que se manterá à disposição da população nesse período e local também contará com rota de fuga e fluxo organizado de veículos com base nas orientações de profissionais da SMTT [Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito]. Consideramos também a importância de outros órgãos nesse processo, entre eles a Polícia Militar, Defesa Civil, Guarda Municipal e CPTran [Companhia de Policiamento de Trânsito]”, explicou a superintendente.

Maria Lúcia afirma ainda que o Samu, em Sergipe, ainda contará com apoio de equipes do Grupamento Tático Aéreo (GTA), que permanecerão a postos para quaisquer necessidades de remoção de pacientes. “Um helicóptero estará disponível com médicos e enfermeiros do Samu e do próprio GTA. Em se tratando de ambulâncias, atualmente, o Samu dispõe de um quantitativo de unidades de suporte básico apto a dar Assistência às ocorrências provenientes de todo o Estado, até mesmo antes da chegada das unidades de suporte avançado. Essa capacidade de atendimento foi possível após a entrega de 25 ambulâncias por parte do Governo de Sergipe, com objetivo de reestruturar e qualificar a logística do atendimento feito ao cidadão que necessita do serviço de urgência”, acrescentou a gestora.

Os cidadãos que estiverem localizados fora do circuito do Réveillon 2018 podem entrar em contato com a Central de Regulação de Urgências (CRU) através do 192, caso haja alguma situação de urgência em saúde e necessitem de assistência pré-hospitalar móvel. Os atendimentos serão feitos normalmente, mesmo mantendo algumas equipes do Samu de plantão no local do festejo.

Foto assessoria