Estudantes e professores da Rede Pública Estadual se destacam na Olimpíada de Inglês

16 de Novembro de 2020, 08:30

A organização da 2ª Olimpíada de Inglês divulgou nessa quinta-feira (12) os vencedores da competição que envolveu cerca de 162 estudantes e 81 professores que lecionam a disciplina de Inglês nas respectivas unidades escolares de todo o território nacional. O concurso teve como objetivo democratizar o ensino bilíngue por meio de tecnologias já inseridas no cotidiano dos alunos, juntamente com o Escritório de Ensino de Língua Inglesa (RELO) da Embaixada e dos Consulados dos EUA no Brasil.

Em Sergipe, a estudante Ricaelen Celda dos Santos, do 9° ano, do Colégio Estadual Francisco Figueiredo, na cidade de Aquidabã, obteve o 1º lugar na categoria Ensino Fundamental Avançado; a professora Rubnigna de Oliveira, do Colégio Estadual Dom Juvêncio de Britto, localizado em Canindé do São Francisco, alcançou o 2º lugar; e o professor Américo Nascimento Silva, do Colégio Estadual Quilombola 3 de Maio, situado no Povoado Brejão dos Negros, no município de Brejo Grande, conquistou o 3° lugar.

Também foram classificados em Sergipe os estudantes Holiver Granja (Fundamental Iniciante), Ayla Larissa (Fundamental Intermediário), Ana Gabriela Araujo (Ensino Médio Iniciante), Heloyza Stefanny de Jesus (Ensino Médio Intermediário) e Geovanna de Jesus Santos (Ensino Médio Avançado) e a professorado Dom Fernando Gomes, Karoline Gandolpho Garcez.

Com o tema "We are the Future of Work", no período de 1º de outubro a 2 de novembro, os participantes utilizaram a Inteligência Artificial (IA) da startup ChatClass para realizar atividades de forma dinâmica e intuitiva pelo WhatsApp, treinando a fala, escrita, leitura e escuta. Para participar, os alunos, obrigatoriamente, fizeram parte da turma de um professor cadastrado na plataforma cursando o Ensino Fundamental 2 ou o Ensino Médio em escolas públicas ou particulares.

Para Ricaelen Celda dos Santos, a equipe do ChatClass foi muito organizada ao disponibilizar as atividades online por meio de um robô no WhatsApp. “No início nem pensei que eu seria capaz de ganhar, principalmente quando vi no site que na minha categoria apenas quem ficasse em primeiro lugar ganharia, mas permaneci tentando, pois essa é uma grande oportunidade de reconhecimento para aqueles que gostam e amam inglês e obter a experiência de como é participar de uma competição dessa”, declarou.

Como prêmio, a estudante receberá certificado de participação emitido pelo ChatClass e pelo Escritório Regional de Língua Inglesa da Embaixada Americana no Brasil, medalha, tutoria virtual com professor de Inglês por três meses, oferecida pela ChatClass, curso de Inglês com o Virtual English Language Fellow, bolsa de estudos de preparação para o Enem no plano Foco da Stoodi até a data do exame e isenção para realização do teste TOEFL Júnior no segundo semestre de 2021, oferecido pela Up Language.

De acordo com a professora Rubnigna, tudo foi feito pelo WhatsApp. No período anterior à olimpíada os estudantes iniciaram as atividades de Língua Inglesa como forma de engajar e motivar os alunos a participarem, utilizando, inclusive, outras ferramentas e as redes sociais. A professora explica que a classificação dos professores dependia do resultado dos testes dos alunos. “A classificação do professor se dá pelo acúmulo de pontos dos estudantes ao final do processo da olimpíada”, pontuou.

O professor Américo mostrou muita satisfação em participar juntamente com os alunos dessa olimpíada. Para ele, os ânimos foram renovados, considerando o cenário de pandemia e as mudanças advindas dela. “Quando eu vi que a gente estava no 11º quando saiu o primeiro ranking, fiquei muito animado. Fomos subindo a cada semana e quando chegamos ao 3º lugar, decidimos manter porque as outras duas escolas estavam com pontos bem acima”, disse. Por se tratar de uma unidade escolar quilombola situada em um povoado, o professor destaca que a importância de ganhar é muito relevante. “Mostra que temos também vontade de vencer e merecemos ter acesso a essas oportunidades e prêmios”, concluiu. Os professores classificados receberão certificado de participação, medalhas, imersão virtual com formadores internacionais e livros didáticos com metodologias ativas.

Fonte e foto assessoria