siga nossas
redes sociais:
FacebookTwitter

Carlito Alves reforça suas declarações a respeito de Jackson Barreto

21 de Março de 2018, 13:12

Por Fernanda Sales

Durante o Grande Expediente da 13ª Sessão Ordinária, realizado na manhã desta quarta-feira, 21, o vereador Carlito Alves (PRB) ocupou a Tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) para reforçar as suas declarações e críticas à respeito do governador do estado Jackson Barreto.

De acordo com o parlamentar, o governador é mentiroso em suas palavras ao dizer que não o conhecia. “Ele mentiu quando disse que não me conhecia num programa de Gilmar Carvalho. Se ele já tinha dito que tinha sentimentos por minha mãe e que me conheceu quando era uma criança, como que ele não me conhecia?”, afirmou.

Ainda segundo Carlito Alves, o governador ainda mentiu com relação ao seu pronunciamento no início do seu mandato dizendo que não seria mais candidato a nada e agora vai se candidatar ao senado. “Ele disse em entrevista na TV que não seria mais candidato, que terminaria esse mandato e não entraria mais na política”, destacou.

Carlito Alves ainda esclareceu que seu discurso sobre Jackson Barreto é exclusivamente de sua responsabilidade. “Deixo claro que o que estou falando sobre o governador é de responsabilidade minha, não foi pedido de ninguém, nem de Heleno Silva, nem do deputado federal Jony Marcos”.

Fafen

No pronunciamento do parlamentar também foi discutido sobre o fechamento da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados de Sergipe (Fafen-SE), localizada em Laranjeiras. Em aparte, o vereador Américo de Deus (Rede) reforçou que a Petrobrás teve muitos prejuízos causados pelas bolsas de valores e nem por isso foi fechada. “O fechamento da Fafen não é porque está dando prejuízo, é questão de gestão e falta de planejamento, pois infelizmente a roubalheira acaba destruindo nosso patrimônio. A fábrica não pode ser fechada e prejudicar diversos trabalhadores”.

Policiais assassinados

No início do seu discurso, Carlito Alves solicitou um minuto de silêncio em homenagem aos policiais militares de Sergipe que foram assassinados. O parlamentar falou sobre a dor que assola as famílias dos PMs assassinados e fez uma oração às famílias desses homens que morreram lutando pela segurança da população.

Foto César de Oliveira

  • Medium 8d63705f8a1cd1aa8b302654e6a7adf5