Senador Alessandro Vieira é multado por não usar máscara em ato contra Bolsonaro

14 de Setembro de 2021, 07:01

O senador Alessandro Vieira (Cidadania), foi multado no último domingo (12) pelo governo de São Paulo por não usar máscara durante o ato contra Bolsonaro na Avenida Paulista.

Alessandro Vieira é pré-candidato a presidente da República.

A multa pela infração é de R$ 552,71. Também foram punidos pelo mesmo descuido os presidenciável Ciro Gomes (PDT) e João Amoedo (Novo), o vice-presidente da Câmara Marcelo Ramos (PL), os deputados Joice Hasselmann (PSL) e Júnior Bozzella (PSL).

“O uso de máscaras em locais públicos para prevenção da COVID-19 é obrigatório por meio da Resolução estadual SS 96 que prevê multas de R$ 552,71 por pessoa física. Como ocorre com toda autuação, os interessados podem apresentar recurso. O auto de infração será encaminhado para todos via Correios e descreve as normas previstas na legislação”, explica o Centro de Vigilância Sanitária de São Paulo.

Na última semana, o presidente Jair Bolsonaro, que esteve presente em manifestação no dia 7 de setembro, também foi multado por descumprir as medidas.

Todos foram autuados por desrespeito a lei que obriga o uso de máscara para conter a disseminação da Covid-19.