Ação solidária de nefrologia faz triagem de mais de 200 pessoas no HU

26 de Março de 2018, 09:23

 

A Liga de Nefrologia de Sergipe realizou uma atividade dedicada a rastrear suspeitas de algumas doenças renais

O Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS) realizou neste sábado, 24, uma ação solidária de nefrologia, levada a cabo pela Liga de Nefrologia de Sergipe (Linese), com o objetivo de rastrear possíveis doenças renais nas mais de 200 pessoas que compareceram ao ambulatório do HU-UFS. A ação foi executada por acadêmicos de medicina da UFS e contou com o apoio logístico do HU.

O professor coordenador do mutirão, Kleyton Bastos, explica que a ação foi pensada para alertar as pessoas sobre a importância da saúde renal. “Aqueles que passarem pela triagem e apresentarem suspeitas de doença renal serão convocados para acompanhamento no ambulatório do HU-UFS”, garante o docente. Kleyton ressaltou o apoio dado pela gestão do HU-UFS, em especial pela coordenação do laboratório, que permitirá a realização de exames em todas as amostras de urina coletadas.

“Planejamos uma ação para acolher as pessoas no rastreio dessas doenças que, em regra, são silenciosas”, lembra o acadêmico de medicina, João Fontes. Os estudantes sensibilizaram os pacientes acerca da importância do diagnóstico precoce para um tratamento mais resolutivo de possíveis problemas renais. “Esse é um momento muito importante para a nossa formação em medicina, especialmente no campo da nefrologia. Muito mais que prescrever remédios, temos de aprender a conhecer as necessidades das pessoas”, pontua João.

O presidente da Associação de Renais Crônicos e Transplantados de Sergipe, Lúcio Alves, prestigiou a ação solidária e parabenizou a Linese pela iniciativa. “Todos os gestores hospitalares devem seguir o exemplo do HU-UFS. A nefrologia tem de ser constantemente lembrada, porque se trata da qualidade de vida das pessoas que, dificilmente, saberão por conta própria como está a saúde dos seus rins”, esclarece.

Devido ao sucesso da ação solidária, Kleyton anuncia que a Linese já está pensando no próximo evento. “Fizemos uma lista de espera com pessoas que serão atendidas no nosso próximo mutirão. Trabalharemos nos detalhes logísticos e, em breve, anunciaremos a data”, assevera o docente.

Balanço

Foram atendidas 202 pessoas, com coletas de urina que serão examinadas mediante análise da creatina. Os pacientes cujos resultados retornarem com alguma suspeita serão convocados para acompanhamento ambulatorial no HU-UFS. Devido à quantidade de pessoas que compareceram ao hospital, a Linese preparou uma lista de espera para a próxima ação solidária, cuja data será oportunamente comunicada.

Foto assessoria

Por Luís Fernando Lourenço