siga nossas
redes sociais:
FacebookTwitter

Com ar-condicionado quebrado, pacientes sofrem no HPM

12 de Março de 2018, 15:27

Não se sabe o que aconteceu com os ares-condicionados do Hospital da Policia Militar de Sergipe (HPM) que estão quebrados já há algum tempo e parece que não há interesse da atual administração em resolver o problema, já que  não são consertados.

A reclamação por parte dos pacientes é generalizada e as informações são de que os pacientes que se encontram internados no HPM são obrigados a levarem ventiladores para minimizar o sofrimento devido o calor intenso.

A situação é grave e não informações se o problema será resolvido. As salas da equipe médica onde ficam os profissionais da saúde e a farmácia, assim como a sala do semi-intensivos "são um verdadeiro caldeirão", diz o parente de um paciente.

Ainda segundo ele, há um risco muito grande de os pacientes contraírem doenças através de bactérias. "É um calor insuportável, numa unidade semi-intensiva o que pode causar uma proliferarão de bactérias e ácaros nos pacientes".

O advogado Thieryson Santos que está com o avô de sua mulher internado no HPM diz que "estou com um idoso cujo, nome é José de Deus, idade  81 anos numa sala e claro, um calor insuportável e se não trouxesse o ventilador de casa para amenizar um pouco o calor, a situação era bem pior. É uma situação grave e desumana", reclama o advogado.

Munir Darrage