Hemose realiza Semana do Doador e abre unidade de coleta no shopping Riomar

23 de Novembro de 2020, 16:48

Nesta segunda-feira, 23, o Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) deu início às  ações da Semana do Doador, em alusão ao Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue. Ao longo da semana estão programadas campanhas com grupos, instituições parceiras e a abertura da unidade de Coleta do Hemocentro, que funcionará no Shopping Riomar, de segunda a sexta-feira, no horário das 13h às 17h.

O atendimento da unidade de coleta no shopping será dividido da seguinte forma: segunda, quarta e sexta, funcionam o agendamento presencial para doação feita na sede do Hemose e o cadastro de medula óssea. Já as terças e quintas, será realizado apenas, a doação de sangue.

A programação da Semana do Doador terá seu ponto alto, na quarta-feira, 25, data que é celebrado o Dia Nacional do Doador. Na ocasião será realizada uma ação social na recepção do Hemose, a partir das 8h30, com uma homenagem a grupos fidelizados,  voluntários do sexo masculino e feminino,  com maior número de doações de sangue, doadores pelo método de Aférese e aniversariante do dia.

De acordo com a gerência de Ações Estratégicas às atividades tem como objetivo agradecer aos cidadãos pela doação de sangue, além de reforçar a importância da população contribuir com o ato de doar com frequência. "Este ano por conta do cumprimento dos protocolos sanitários da pandemia do coronavirus teremos uma ação sem aglomeração, onde serão prestadas algumas homenagens aos doadores e parceiros solidários do Hemose", destaca a assistente social, Rozeli Dantas.   

Dados

O Hemose vem acumulando uma redução de mais de 50% nas doações de sangue, ocasionadas pela pandemia. Em períodos normais, a unidade realiza uma coleta diária de 100 a 120 bolsas, totalizando uma média mensal de 2.200 doações, para o atendimento da demanda transfusional da rede hospitalar do Estado.

Data

O Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue foi instituído no Brasil, através do decreto 53.988 de 30 de junho de 1964, no governo do presidente Castello Branco, como forma de homenagear e agradecer ao doador pelo ato em que se manifesta da forma mais significativa, o sentimento da solidariedade humana.

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Saúde